Dúvidas

Tipos de resina


Resina é um composto orgânico derivado do petróleo, que passa de seu estado líquido para o estado sólido, através de um processo químico chamado "Polimerização".

Os tipos de resinas são:
Resina Poliéster Ortoftálica (Mais comum e de uso generalizado);

Resina Poliéster Isoftálica (Aplicada em moldes feitos de Fibras de Vidro, em tubulações e piscinas);

Resina Poliéster Isoftálica com NPG - (Alta Cristalinidade e boa Flexibilidade - Resistente a temperaturas elevadas, água natural e ?manchas);

Resina ÉsterVinílica (Possui alta resistência química e mecânica (impactos), usada na fabricação de equipamentos de fibras de vidro para o combate a corrosão);

Resina Epoxi Amina (peças estruturais e principalmente em revestimentos para proteção química e de intempéries).

Fibra de Vidro


A fibra de vidro é o material compósito produzido basicamente a partir da aglomeração de finíssimos filamentos flexíveis de vidro com resina poliéster (ou outro tipo de resina) e posterior aplicação de uma substância catalisadora de polimerização. O material resultante é geralmente altamente resistente, possui excelentes propriedades mecânicas e baixa densidade.

Permite a produção de peças com grande variedade de formatos e tamanhos, tais como placas para montagem de circuitos eletrônicos, cascos e hélices de barcos, fuselagens de aviões, caixas d'água, piscinas, pranchas de surf, recipientes de armazenamento, peças para inúmeros fins industriais em inúmeros ramos de atividade, carroçarias de automóveis, na construção civil e em milhares de outras aplicações.

A fibra de vidro faz o papel da armadura de ferro no concreto armado: torna as peças resistentes a choques, tração e flexão. A fibra de vidro é fornecida em mantas prensadas, tecidos trançados, fitas ou cordéis (rooving) que são lançados ou desfiados sobre o molde e impregnados de resina. A manta prensada é mais barata, mas solta "fiapos" durante a montagem, enquanto que o tecido, um pouco mais caro, permite um trabalho mais limpo, peças mais resistentes e com melhor aparência final.

Manuseio

A Fibra de Vidro é trabalhada de forma artesanal, tem maior liberdade de forma, não enferruja e não oxida. Sendo que uma das suas principais características é a leveza.

A fibra de vidro tem ainda muitas características importantes como, por exemplo,isolante elétrico, isolante térmico, resistência ao fogo, alta resistência mecânica e á oxidação,resistência á umidade, baixo custo e peso mínimo.

Para se produzir uma peça, utiliza-se um molde. O negativo do objeto desejado é normalmente fabricado de madeira, alumínio, borracha de silicone ou ainda de fibra de vidro. Para peças grandes, como uma capota, o molde em fibra de vidro é mais indicado.

Segurança

É importante que vocé tenha alguns aparelhos de segurança: luvas de borracha, máscaras de papel e máscaras com respiradores com filtro para produtos químicos. Evite contato com a fibra, porque a penetração de agulhas microscópicas de vidro podem provocar irritação da pele, coceira, principalmente entre os dedos. Trabalhar num lugar ventilado, sem vento, sem crianças ou animais domesticos.

O que é "Fiberglass" ?


Literalmente traduz-se em “Fibra de Vidro”, termo abreviado de um material composto de resinas reforçadas com fibras de vidro. Para melhor entendimento, um exemplo bastante conhecido de material reforçado, é o concreto, que, compõe-se de Cimento reforçado com pedras, areia e ferragem. O cimento com a água é a nossa resina básica, e os demais elementos nossa fibra de vidro e cargas.
Como em todos os compostos (dois ou mais materiais associados), cada elemento individualmente tem sua característica, formando desta união, novas propriedades, quase sempre melhores que na individualidade.

PROPRIEDADES:

O “Fiberglass” caracteriza-se pelas seguintes propriedades:

Altas propriedades mecânicas, como, tração, flexão e impacto;

Leveza. Quase a metade do peso do Alumínio e 5,5 vezes menos o do aço;

Não condutor de corrente elétrica;

Flexibilidade de projeto, inclusive para modificações posteriores;

Estabilidade dimensional;

Baixo coeficiente de dilatação térmica;

Baixa absorção de água;

Resistência à corrosão e oxidação;

Nenhuma restrição ao tamanho e formato da peça;

Boa relação custo-benefício;

Ótimo acabamento superficial (Gel Coat).